top of page

Comerciante de Motuca identifica nota falsa de R$ 200, comunica PM, que prende golpista


Foram apreendidos R$ 1.350,50 em espécie, cujas notas serão periciadas. Foto: Divulgação PM

Já era início da noite de ontem (29) quando um comerciante de Motuca recebeu R$ 200 pela compra de quatro maços de cigarros. Logo após o suposto cliente ter ido embora com o troco, percebeu que a nota era falsa. Prontamente foi à Delegacia da Polícia Militar registrar a ocorrência. De posse das características, os soldados Bonifácio e Moreira saíram em patrulhamento e conseguiram encontrar o golpista dando continuidade ao crime em outro estabelecimento. Já era a terceira vítima na cidade.


O autor do crime, um autônomo de 47 anos, morador de Barrinha-SP, foi preso em flagrante. Inicialmente, demonstrou resistência e, de acordo com os policiais, tentou corrompê-los. Ele acabara de passar outra nota de R$ 200 com a mesma numeração da anterior, evidenciando o golpe. Quando foi informado que seria transferido para a sede da Polícia Federal (PF) em Araraquara, órgão responsável pela apuração do crime, começou a se debater e a rasgar sua roupa. Diante disso, os policiais tiveram que algemá-lo.


Os três comerciantes receberam os valores do troco que entregaram ao criminoso. Com ele, foram encontrados R$ 1.350,50 em espécie, cujas notas serão periciadas. Preliminarmente, os PMs da cidade identificaram as três notas de R$ 200 e algumas de R$ 100 com a mesma numeração, o que caracteriza a adulteração. Também foi apreendida uma moto Yamaha ano 2014 e um aparelho celular.


Antes de ser transferido, o autor do crime fez exame de corpo e delito na Unidade de Saúde de Motuca. Na Sede da Polícia Federal, o delegado Sérvio Caldeira Gama ratificou a voz de prisão em flagrante.

Comments


bottom of page