top of page

Defesa civil do estado orienta sobre cuidados durante o calor extremo

O calor excessivo pode ocasionar sérias consequências para nossa saúde, desde a desidratação leve até a morte. Normalmente, o calor vem acompanhado por diminuição da umidade do ar. Isso pode piorar doenças respiratórias como a asma e a doença pulmonar obstrutiva crônica, além de favorecer também quadros de infecção respiratória’.


Leia também:

Para conviver com a rotina de calor extremo é preciso tomar certos cuidados. Veja abaixo as orientações da Defesa Civil do Estado de São Paulo:


Fique alerta:

  • Preste atenção a idosos, crianças, doentes crônicos e grávidas, que tendem a ficar desidratados mais rapidamente;

  • Procure não passar muitas horas sem se alimentar, mesmo se sentir menos fome, mantendo uma alimentação saudável com frutas, verduras e alimentos leves.

O que fazer durante:

  • Hidrate-se!

  • Não substitua água por bebidas alcoólicas;

  • Faça refeições leves e frias mais vezes ao dia;

  • Prefira ambientes arejados e evite aglomerações;

  • Proteja-se do sol com chapéu, óculos escuros, roupas leves e protetor solar;

  • Use soro fisiológico nos olhos e narinas;

  • Não faça exercícios físicos em horários com maior incidência de radiação ultravioleta do sol, das 11h às 17h;

  • Evite a exposição excessiva ao sol, pois pode causar mal-estar e insolação.

Comments


bottom of page