top of page

Vereadores cobram celeridade na criação do piso salarial da enfermagem em Motuca

Durante a discussão para votação da elevação de 20% nos vencimentos dos servidores municipais, os vereadores Gabriel, Alison, Renato e Tuca aproveitaram o momento para cobrar celeridade no encaminhamento de projeto do Poder Executivo para a criação do piso salarial da enfermagem em Motuca. Eles são autores, juntamente com o vereador Gilson, de requerimento para que o município utilize repasse federal que garanta o benefício. O posicionamento também foi endossado pela presidente Vera.


Leia também:

Na propositura aprovada na Sessão do dia 15, os vereadores argumentam que foi sancionado o Projeto de Lei nº 14.581/23, pelo presidente Lula, que abre crédito especial de R$ 7,3 bilhões no orçamento do Fundo Nacional de Saúde, para garantir que Estados e Municípios suportem o pagamento do piso.


Após a previsão de recursos pelo Governo Federal, o ministro Luis Barroso Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), revogou liminar concedida por ele que suspendia o piso.

“Fui mais uma vez questionado para saber como está a situação da valorização dos profissionais da saúde no sentido de reconhecer o piso salarial da enfermagem”, destacou Gabriel
“Alguns municípios estão fazendo o repasse após a decisão do Ministro Barroso. Pedimos mais uma vez que o prefeito encaminhe o projeto para esta casa o quanto antes”, salientou Alison.
“Pedimos celeridade ao departamento de contabilidade para estarmos levando o piso à categoria. É importante valorizarmos os que estão na linha de frente se dedicando e se empenhando para cuidar daqueles que mais necessitam”, ressaltou Renato
“Para ficar correto só falta o piso da enfermagem, pois é a categoria que mais sofreu neste passado de pandemia. Acho que são grandes merecedoras”, pontuou Tuca
“Também já fiz o pedido junto com o Alison. Acredito que ele (o prefeito) não vai deixar a saúde de fora”, apontou Vera.

Comments


bottom of page