top of page

Posse de conselheiras é marcada por defesa das crianças e dos adolescentes

As conselheiras titulares eleitas para mandato de quatro anos (2024 a 2028) foram empossadas ontem (10) em Cerimônia marcada por compromissos públicos voltados à defesa das crianças e dos adolescentes. Das cinco conselheiras , duas foram reconduzidas aos cargos: Vanete Muniz e Mara Vanzan Marques. Já Mileni Paula Garcias, Fernanda Cristini Cordeiro e Caroline Feliciano de Carvalho atuarão pela primeira vez como titulares no órgão de defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes.  


ECA

Conselheira mais votada na eleição popular, Mileni Paula Garcias representou as colegas em discurso que exaltou o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e o comprometimento em zelar pelo cumprimento da legislação "com todos os setores do município, em parceria e muita cooperação, para garantir o direito de todas as crianças, principalmente das mais vulneráveis", pontuou.


Possível e o impossível

Em seu discurso, o prefeito João Ricardo Fascineli se comprometeu a atuar, junto com o judiciário e o legislativo, no desenvolvimento de ações em prol dos menores. “Muitos sofrem abusos e agressões e o Conselho Tutelar é a instituição no município que está ali para protegê-los”, lembrou. “Então faremos o possível e o impossível para que os jovens sejam protegidos, pois os problemas vão aparecer, mas juntos iremos vencer”.


Honrar os votos

A vice-prefeita Maria direcionou sua fala às conselheiras eleitas para que honrem os votos que receberam.


Trabalho em conjunto

Danielle destacou a necessidade do trabalho em conjunto e desejou sorte às conselheiras.


Problemas e solução

Da mesma forma, o vereador Tuca ressaltou que problemas irão surgir e apontou a necessidade das conselheiras buscarem as soluções.


Rede de apoio

A presidente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Motuca (CONCRIAMO), Daniela Carui Machado, ressaltou que as conselheiras poderão contar sempre com a rede de apoio aos menores como a Assistência Social Municipal e o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).


Prioridade

A conselheira Mara Vanzan Marques, que foi reconduzida ao cargo, ponderou sobre a necessidade de fortalecer as ações do colegiado. “Teremos muito trabalho e não podemos esmorecer diante das dificuldades. O futuro de nossas crianças e adolescentes é prioridade sempre", exaltou.


Veja fotos do evento:




コメント


bottom of page