top of page

Após sistema colapsar, prefeito diz que falta d’água será solucionada com novo reservatório

De acordo com o prefeito João Ricardo Fascineli, o alto consumo de água no final de semana aliado a período de estiagem fez com que a estrutura de abastecimento da cidade entrasse em colapso. “Os nossos três poços artesianos trabalharam em 100% mas não conseguiram atender a demanda”, escreveu no sábado (27) em seu perfil no Facebook, no qual prometeu que o problema será resolvido com a construção do novo poço profundo na Vila Malzoni. “Nesse momento só nos resta nos desculparmos”, pontuou.


Apesar de ações para aumentar a oferta de água, o problema ainda persiste em vários bairros da cidade.


Com a expansão de novos bairros, o desabastecimento na cidade é recorrente, principalmente em meses de estiagem. Apesar de promessas feitas e compromissos firmados, não foram realizados investimentos municipais significativos nos últimos anos.


Com isso, a solução para o sério problema municipal veio de investimento do Governo Estadual, por meio do Programa “Água é vida”. Motuca foi uma das cidades contempladas em 2020 com reservatório com capacidade para 200 mil litros. O anúncio foi realizado em evento que teve a participação do prefeito Ricardo, o presidente da Câmara Paulinho e do vereador Renato.


Com perfuração profunda, de 350 metros, que alcança o Aquifero Guarani, a construção da nova estrutura de abastecimento de água potável iniciada há cerca de um mês tende a resolver a resolver o déficit hídrico municipal, em funcionamento conjunto com os outras estruturas. Além do novo loteamento, a tubulação será ligada a outros bairros da cidade.


Commentaires


bottom of page