logo_final.png

Após aprovação da Anvisa, vacinas começam a ser distribuídas hoje (18)


A enfermeira Mônica Calazans foi a primeira brasileira a receber a dose no país. Foto: Divulgação

O Ministério da Saúde começa hoje (18) a distribuir as doses da vacina CoronaVac para todos os estados e o Distrito Federal. A Anvisa autorizou ontem (17) por unanimidade o uso emergencial das vacinas Coronovac e de Oxford-AstraZeneca contra a Covid-19. No mesmo dia foi aplicada a primeira dose na enfermeira Mônica Calazans, em cerimônia patrocinada pelo governo do estado de São Paulo, parceiro do laboratório Chinês Sinovac por meio do Instituto Butantan.


Serão distribuídas inicialmente 6 milhões de doses da vacina, divididos proporcionalmente à população de cada estado. Os profissionais de saúde serão os primeiros a serem imunizados. A primeira fase também priorizará idosos com 60 anos ou mais, pessoas com deficiências e indígenas.


Nos estudos clínicos, a Coronavac demonstrou ser segura, não apresentando complicações graves, apenas leves como dor no local da aplicação. Serão necessárias duas doses para a imunização num intervalo entre 14 a 28 dias.


O Instituto Butantan assinou um contrato para o fornecimento de 46 milhões de doses ao Ministério da Saúde. O documento prevê a possibilidade do órgão federal adquirir outras 54 milhões de doses.


Eficácia

A CoronaVac demonstrou 50,38% de eficácia global nos testes realizados no Brasil, desde casos muito leves (assintomáticos) a casos graves. Nos casos de nível leve, moderado ou grave, com necessidade de assistência médica, o índice aumenta para 78%. Já em casos graves e moderados, a porcentagem chega a 100%, o que possibilita imunidade contra internações.

0 comentário
  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon

 CONTATO 

Cenário Social

Avenida Marcos Rogério dos Santos,nº 31, Centro,

Motuca-SP - CEP.: 14.835-000

e-mail: ocidadaonocontrole@gmail.com
Tel: 16-33481185