logo_final.png

Ações contra o Aedes buscam combater proliferação de doenças


Ações realizadas pela Prefeitura de Motuca contra o Aedes aegypti buscam combater a proliferação de doenças na cidade. O mosquito é o vetor da dengue, chikungunya e zika. A região está em alerta, pois cidades como Matão e Araraquara enfrentam epidemia.. Ontem (10), um jovem de Araraquara morreu com suspeita de dengue hemorrágica.

Desde o início do ano, Motuca registra dois casos positivos de dengue, ambos de moradores da zona rural, considerados importados, ou seja, contraídos em outra localidade. Quatro moradores estão com suspeita de terem contraído a doença, três da zona rural e um da urbana.No primeiro semestre do ano passado o município passou por uma epidemia de dengue, com 59 casos positivos.

Iniciada na manhã de hoje (11), mutirão com a participação da Vigilância Sanitária, Agentes de Saúde e servidores do setor de obras realiza limpeza em residências da área urbana e agrovilas do Assentamento com o objetivo de eliminar possíveis criadouros. No final da semana passada foi feita limpeza nos arredores do Bairro Jardim Bela Vista, onde costuma acumular lixo pela destinação ilegal por moradores. Também estão previstas palestras com alunos da rede de ensino. Caso suspeito de morador do Centro, também levou as autoridades a criarem um bloqueio no bairro.

“Existe a preocupação, pois estamos em um mês com chuvas e muitos objetos podem servir de criadouro do mosquito”, ressalta a coordenadora da Vigilância Sanitária, Susi Elaine dos Santos Falvo, responsável pela articulação dos trabalhos.

Para a dona de casa Tereza Souza, de 49 anos, a população deve fazer sua parte deixando os quintais e a cidade limpa. “Costumo ver muito lixo nos arredores da cidade, mesmo o município fazendo a coleta periódica com o caminhão”, aponta.

A dona de casa Sonia Vizentin, de 62 anos, viu de perto os perigos do mosquito. Sua filha foi diagnosticada com dengue no ano passado. “No início dos primeiros sintomas não sabiam o que ela tinha, mas depois do exame foi confirmada a doença. Ela ficou muito mal e teve que ficar de cama”, relembra.

Repelente

O uso de repelentes é uma das principais orientações para prevenir a contaminação pela picada do mosquito, principalmente para quem for viajar para cidades com grande infestação. A Saúde municipal disponibiliza o produto gratuitamente aos moradores registrados como casos positivos e suspeitos.

Acesse o guia da Secretaria de Estadual de Saúde e saiba mais sobre a doença:

#Saúde #dengue #prevenção #destaque2

0 comentário
  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon

 CONTATO 

Cenário Social

Avenida Marcos Rogério dos Santos,nº 31, Centro,

Motuca-SP - CEP.: 14.835-000

e-mail: ocidadaonocontrole@gmail.com
Tel: 16-33481185