logo_final.png

Ricardo faz inscrição para discursar na Câmara, mas autorização deve ser adiada


O prefeito João Ricardo Fascineli se inscreveu para utilizar a Tribuna Livre. Na justificativa, ele alegou que seu nome foi citado em sessão anterior e observa a necessidade de se defender. No dia 17 de outubro, os vereadores José Roberto Legramandi e Danielle Mércia Petrazzo Fascineli intercalaram discursos ríspidos e acusações mútuas. (ver matéria).

O presidente do legislativo municipal Gabriel Muniz da Silva relata que, provavelmente, o discurso deve ser ficar para próxima sessão. “Temos alguns projetos a serem votados hoje, que podem demandar algumas discussões”, afirmou. (Conheça a pauta da Ordem do dia).

Na sessão do dia 17, a vereadora Danielle solicitou que o prefeito utilizasse a Tribuna para se posicionar sobre as acusações, o que foi negado pelo presidente Gabriel com o argumento de que é necessário protocolar em período regimental a participação.

De acordo com as normas que disciplinam a “Tribuna Livre”, os interessados devem proceder a inscrição previamente em livro próprio para tratar de assunto de interesse da comunidade.

O Presidente da Câmara poderá indeferir o uso da tribuna em duas situações: quando a matéria não disser respeito, direta ou indiretamente, ao Município; e quando a matéria versar sobre questões exclusivamente pessoais. É disponibilizado tempo regimental de 10 minutos, prorrogáveis pelo mesmo período. (Conheça a resolução que criou a Tribuna Popular).


#câmarademotuca

0 comentário
  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon

 CONTATO 

Cenário Social

Avenida Marcos Rogério dos Santos,nº 31, Centro,

Motuca-SP - CEP.: 14.835-000

e-mail: ocidadaonocontrole@gmail.com
Tel: 16-33481185